Seg, 23 de Outubro de 2017
Banner
Atendimento ao cliente
Imprimir E-mail
  • O atendimento a clientes não significa apenas fazer produtos de alta qualidade, embora esta seja uma parte importante desse atendimento. As pessoas não toleram produtos de má qualidade, elas os devolvem e passam a comprar em outro lugar. é preciso oferecer excelência aos clientes para mantê-los. O atendimento a clientes envolve todas as atividades da empresa e significa mais que atender reclamações, providenciar reembolsos ou trocas nas devoluções ou sorrir para os clientes.
  •  Significa sair em sua busca, fazendo todo o possível para satisfazê-los e tomando decisões que os beneficiem. Na atual economia, prover excelentes serviços aos clientes pode ser uma diferença crítica no sucesso de uma empresa. Oito regras básicas para alcançar a excelência no tratamento dos clientes: O tratamento deve vir de cima: a participação dos principais executivos da empresa é vital.
  •  Eles devem se empenhar no corpo-a-corpo com os clientes, respondendo a seus telefonemas e cartas, visitando os PdVs etc.; Todo mundo precisa ser envolvido: a prestação do melhor serviço ao cliente não pode ser atribuição de um setor específico da empresa.
  • As práticas de recrutamento, treinamento e reciclagem devem apoiar as metas de foco sobre o cliente; Delegar autoridade: o cliente não pode esperar por decisões dos escalões superiores.
  • Elas devem ser tomadas no ato por quem está na linha de frente; rapidez no atendimento: a filtragem do atendimento deve prever o grau de prioridade dos problemas.
  • Toda reclamação séria deve ser respondida em no máximo 24 horas; Ouvir sempre o cliente: pesquisas periódicas ajudam a fazer a sintonia fina e dão orientação para os ajustes necessários.as aspirações e os desejos dos consumidores estão em constante mudança.
  • O que é bom hoje, pode não o ser amanhã; Trabalhar em parceria: a relação com o cliente não acaba com a simples venda.
  • É preciso estar preparado para auxiliá-lo quanto à melhor forma de utilizar seu produto ou serviço; Mudar os critérios de avaliação: a satisfação do cliente deve ser um item tão importante na análise de desempenho e para a remuneração dos funcionários quanto a conquista de fatias de mercado ou o aumento de faturamento.
  • Todo cliente deve ser tratado como o único; Investir em treinamento: a orientação para a satisfação do cliente exige uma profunda mudança cultural na empresa.
  • Para isso, é preciso muito treinamento em conceitos de qualidade total e técnicas de ralações humanas. Para se conquistar um cliente é preciso ter em mente três itens importantes: primeiro é preciso reconhecer que atendimento é, para o seu negócio, tanto uma ferramenta administrativa quanto de marketing. Ele incrementa o marketing porque motiva os clientes a difundir bons comentários sobre seus serviços e negócios a outros compradores.
  • A empresa deve se lembrar que a maneira mais barata de adquirir novos c1ientes é através de recomendação verba1. Bons serviços tornam o gerenciamento mais fácil porque todos estão comprometidos com a satisfação do c1iente.
  • Os resultados serão maior produtividade e maiores lucros simplesmente porque a gerência e seus funcionários estão trabalhando para atingir o mesmo objetivo.
  • A seguir, deve-se desenvolver um sistema de atendimento a clientes para a empresa que seja de fácil utilização pelos seus c1ientes. Por último, aconselha-se a projetar e implementar programas de manutenção de clientes que possam conservar a lealdade dos mesmos, e que aumente a probabilidade dos clientes indicarem novos compradores para a empresa.
  • Além disso, é conveniente utilizar esses programas de manutenção como ferramentas de marketing básicas e suplementares. Ouvir os clientes é algo que deve ser feito por todos. Com a maioria dos concorrentes movendo-se cada vez mais depressa a corrida será vencida por aqueles que ouvem e respondem com maior atenção. Ouvir deve ter uma finalidade.
  • Existem quatro razões para se ouvir os clientes: a primeira: entendersuas dificuldades e mapear como o ciclo dessa experiência é visto, da posição do cliente.
  • A partir disso pode-se determinar os pontos críticos de contato e medir quão bem a empresa esta adminis­trando o ciclo em direção a um resultado positivo. A segunda: controlar os desejos, necessidades e expectativas em constante mudança do mercado - o conjunto dos clientes individuais.
  • A terceira: ouvir as idéias inesperadas que os clientes, e aqueles que trabalham para eles, podem trazer à tona. Finalmente: ouvir cuidadosamente os clientes é uma maneira valiosa para envolvê-los no negócio. o esforço de escuta começa com definir sobre quem a empresa está falan­do, quando se refere ao cliente. Algumas maneiras de ouvir o cliente: face a face; pesquisa formal; contato na linha de frente; linhas diretas para clientes; análise de comentários e reclamações; painéis de aconselhamento ao cliente; educação mútua.
  • Usando algumas destas estratégias ou todas elas, o essencial é criar maneiras múltiplas de se informar continuamente a respeito dos clientes e acompanhar as curvas de aprendizado.
  • A satisfação do comprador após a realização da compra depende do desempenho da oferta em relação às suas expectativas.
  • De modo geral satisfação consiste na sensação de prazer ou desapontamento resultante da comparação do desempenho – ou resultado – percebido de um produto em relação às expectativas do comprador. Se o desempenho não alcançar as expectativas, o cliente ficará insatisfeito.
  • Se o desempenho for além das expectativas, o cliente ficará altamente satisfeito ou encantado.
  • Então, o cliente precisa ficar encantado e a empresa necessita lhe proporcionar esse encanto para se firmar no mercado e garantir a fidelização do cliente. A chave para se gerar um grande nível de fidelidade é entregar um alto valor para o cliente.